6 Respostas

A.M. 06/12/2010 17:14 0 0

Diminuiria os caminhões nas estradas etc!!

Imac Blaster 06/12/2010 17:53 0 0

O Transporte Ferroviário mostra uma eficiência bem maior do que o modal Rodoviário (mais usado no Brasil), pois se compararmos a tonelagem transportada em uma viagem de caminhão com a tonelagem transportada em uma viagem de trem, iremos perceber a grande diferença à favor do transporte ferroviário, com isso, a consequência benéfica para o meio ambiente que é a diminuição de Dióxido de Carbono (CO2). Para se construir uma ferrovia, uma outra vantagem seria o baixo impacto ao Meio Ambiente (FLORA), pois o desmatamento é menor do que na construção de uma rodovia, por exemplo.

O valor do FRETE é uma outra vantagem que o modal Ferroviário possui, pois é um frete com valores menores que o do modal rodoviário.

Em relação a segurança da carga, o modal ferroviário possui outra vantagem em relação ao rodoviário, pois o roubo à cargas em ferrovias mostram índices bem menores do que os índices do modal rodoviário e que por consequência benéfica, por esse motivo, o seguro da carga é menor no transporte ferroviário.

Os índices de acidentes também é um outro ponto a favor do ferroviário, menos acidentes no ferroviário.

Uma outra vantagem curiosa do transporte ferroviário, é a capacidade de se aplicar uma modalidade de transporte de carga que é o TRANSPORTE COMBINADO DE CARGA, onde o trem transporta a carreta carregada (TRANSPORTE RODOVIÁRIO), esta carreta chegando próximo ao destino, onde o trem não vai, ele é retirado da plataforma da composição do trem e leva a carga até a porta da empresa dona da carga. Essa modalidade elimina o trabalho de transbordo da carga, além de economizar tempo.

Mas, o transporte ferroviário não é um mar de rosas, não é perfeito. Ele também mostra desvantagens, uma delas é o problema da falta de investimentos na construção de novas ferrovias, pouca abrangência no território brasileiro, má conservação das locomotivas, pouca flexibilidade de atendimento, baixa velocidade de locomoção e uma consequência negativa em relação ao tempo de chegada da carga no destino, que é mais demorada do que no transporte rodoviário.

Uma outra desvantagem do Transporte Ferroviário seria a limitação de funcionamento do trem em grandes cidades. Em horários de pico, em locais onde existam cruzamento férreo, os trens são proibidos de trafegarem, para não prejudicar o trânsito de automóveis. Sobrando de preferência os horários da madrugada.

Na minha opinião, seria interessante se nós tivéssemos a ampliação do sistema de transporte ferroviário em nosso país, e elevando esse modal a uma importância igual ao modal rodoviário que até hoje é o mais utilizado.

espero ter ajudado.

@Adilson 06/12/2010 18:00 0 0

Pitangueiras – são muitas as vantagens, mas também tem as desvantagens , por exemplo :

Vantagens do transporte ferroviário

- Maior capacidade de carga em relação aos transportes rodoviários e ao aéreo.
- Transporte terrestre por excelência, para combustíveis minerais sólidos (ex: carvão, minérios de ferro, cimentos, cal, adubos, produtos alimentares, cereais, forragens, veículos).
- Menor ocupação do espaço pelas vias férreas comparativamente às estradas).
- Sem congestionamentos.
- Menor impacto ambiental, caso das redes eletrificadas.

Desvantagens do transporte ferroviário

- Horários rígidos.
- Transbordo.
- Existência de uma via pode condicionar competitividade
- A natureza da sua estrutura implica fraca flexibilidade.
- A exclusividade da exploração do transporte ferroviário limita a sua capacidade concorrencial face à diversidade da oferta apresentada pelo rodoviário.

Em qualquer operação de transporte devem ser levados em conta os seguintes fatores: carga transportada (quantidade, peso e valor), distância a ser percorrida e tempo de percurso. As unidades físicas utilizadas são passageiro-quilômetro e tonelada-quilômetro.Em função do volume e tipo de carga podemos destacar que : para cargas de grande volume, mas de baixo valor unitário (minérios), dá-se preferência aos transportes ferroviário e aquático – para cargas de pequeno volume, mas de alto valor unitário (ouro, jóias), a preferência recai nos transportes de maior rapidez e segurança (o aéreo, por exemplo) – para cargas de produtos perecíveis, a maior preferência é também pelos transportes de maior rapidez.Nos países desenvolvidos, seja de grande seja de pequena extensão territorial, o transporte de mercadorias é feito de maneira predominante por meio de ferrovias e hidrovias. Esses tipos de transporte proporcionam uma maior capacidade de carga e são muito mais econômicos.No Brasil e em outros países subdesenvolvidos, onde a influência da indústria automobilística (norte-americana, em especial) tem sido preponderante, verifica-se o predomínio do transporte rodoviário. Esse tipo de transporte, como sabemos, oferece pequena capacidade de carga, maior consumo proporcional de combustível e dependência de petróleo, sendo, portanto, bem mais caro que o ferroviário e o hidroviário.

No caso do Brasil temos 30.350 km. de malha ferroviária. Embora simplificados, esses números relativos ao Brasil mostram que, até a década de 20, as ferrovias apresentaram grande expansão no pais, ao passo que após essa década verificou-se uma verdadeira estagnação do sistema ferroviário. Os atuais 30.350 km de ferrovias, se comparados com a extensão territorial do país (8.511.965 km2), resultam numa densidade ferroviária extremamente baixa (0,3 km de trilhos para cada 100 km2 de área), inferior à de países como Argentina (1,0), Índia (1,5), Bélgica (17,0) e EUA (3,5).

Eis mais algumas características e vantagens do transporte ferroviário : grande capacidade no transporte de cargas e passageiros; é mais econômico que o rodoviário; possui diversas opções energéticas ( diesel e eletricidade ); material rodante é de longa duração; os trens modernos podem atingir grandes velocidades; estimula o desenvolvimento das indústrias de base.De modo geral, o transporte ferroviário é o mais utilizado no deslocamento de cargas nos países
desenvolvidos e no Brasil é pouco explorado tanto para cargas como para passageiros – ( by : ex-operacional ferroviário) – visite o nosso site e saiba tudo sobre ferrovias, seus funcionários e outras notícias – consulte o menu à esquerda : http://www.assef.com.br/rffsa.htm – @

BRASILIA76 06/12/2010 18:51 0 0

.
.SÓ MESMO UM PAÍS BURRO, JUMENTO COMO ESSE PARA ACABAR COM AS
.
.FERROVIAS PARA AGRADAR AS MONTADORAS DE CAMINHÃO, PAÍS BURRO
.
.GOVERNANTES, JUMENTOS.
.
.TRANSPORTE FERROVIÁRIO É INFINITAMENTE MELHOR DO QUE O RODOVIÁRIO.
.
COM MENOS CAMINHÕES RODANDO POR AÍ, E DESTRUINDO AS ESTRADAS E TB
.
.MATANDO GENTE DIRETO, IRIA SER MUITO MELHOR, EM TODOS SENTIDOS.
.
.UM SÓ TREM LEVA, E MUITO MELHOR, O QUE 100 CAMINHÕES NÃO CONSEGUEM.
.
.DIMINUIRIA O VALOR FINAL DA MERCADORIA, POIS O FRETE SERIA MUITO MENOR.
.
.E OUTRA PROVA DA ESTUPIDEZ DOS GOVERNANTES DESSE PAÍSZIN DI MERRRD.
.
.O BRASIL É UM DOS PAÍSES COM MAIOR NUMERO DE RIOS NAVEGÁVEIS.
.
.E É SABIDO QUE O TRANSPORTE POR BARCAÇAS É INFINITAMENTE, MELHOR E
.
.MUITO MAIS BARATO QUE O RODOVIÁRIO.
.
.MAS COMO ISSO AQUI É UM PAÍS DE JUMENTOS……..

Tofm 07/12/2010 6:44 0 0

O transporte ferroviário é o ideal para o transporte de mercadorias pesadas e que necessitam percorrer longas distâncias. Seus maiores problemas são a dificuldade de percorrer áreas com declives e aclives acentuados e a necessidade de reembarcar a mercadoria em caminhões para entregá-las na porta do consumidor, pois os trens não têm a possibilidade de sair de seus trajetos.

As ferrovias seria o meio de transporte ideal para ser utilizado no Brasil, pois no país existem a predominância de terrenos baixos e relativamente planos e as grandes distâncias a serem percorridas, são fatores que fazem do transporte ferroviário o ideal para o país.

Giovanni Barreto 07/12/2010 19:21 0 0

Não pega transito!

Responder