Anônimo 13/12/2010 07:12 Aviação
Avatar

Como funciona o sistema hidráulico e pneumático de uma aeronave?

Eu não encontrei nenhuma resposta concreta de como funcionam estes sistemas, se alguém puder me responder eu fico muito, muito grata…

4 Respostas

Guii ' 13/12/2010 7:34 0 0

Dificil em. Procura nas enciclopédias sobre aeronaves.

Fabio 13/12/2010 10:24 0 0

os dois sao bem conplexos e eu teria q escrever o dia inteiro paravc ,e melhor vc pesquisar

Felipe 13/12/2010 14:06 0 0

O sistema hidráulico é todo conjunto de peças que acionam ou executam uma função por meio da pressão transmitida por um fuído, ação esta, baseada na “Lei de Pascal” (A pressão aplicada a um ponto de um fluído transmite-se igualmente para todas as partes desse fluído).

É constituído por um cilindro mestre que quando acionado, transmite a força para um cilindro atuador por meio de tubos, força esta, que se multiplica proporcionalmente ao tamanho do cilindro de atuação; Chamamos isso de “Rendimento Mecânico” (Se aplicarmos uma força de 1kg/f em um cilindro mestre de 1cm², e o cilindro atuador possuir uma área de 30cm², a força gerada será 30 vezes maior que a aplicada, ou seja, terá um Rendimento Mecânico de 30kg/f). Podemos dizer então, que este sistema é usado quando há necessidade de aplicação de grandes forças sobre um componente do avião. Exemplos de sistemas e superficies que usam um sistema hidráulico: Trens de pouso, flapes, slats, profundores, leme, ailerons, freios, etc.

OBS: Aeronaves de pequeno porte, aplicam o sistema hidráulico apenas em seu sistema de freios, ou então, para recolher o trem de pouso, pois os outros comandos podem ser efetuados apenas com a força muscular do piloto.

O Sistema Pneumático, similar ao sistema hidráulico, este sistema utiliza ar comprimido ao invéz de um fluído hidráulico, o que o torna mais econômico. Seu maior problema é a falta de precisão e a necessidade de uma manutenção minuciosa, pois um vazamento de ar pode gerar a perda do sistema (Diferente do vazamento no sistema hidráulico, que é de fácil detecção, no sistema pneumático os vazamentos são praticamente indetectáveis.

JERO 14/12/2010 3:28 0 0

Tudo o que é construído num avião, deve responder à seguinte pergunta:
- Isso funciona com o motor parado ???
Isso vale para sistemas hidráulicos, pneumático, elétrico, de pressurização, etc, etc
A maioria DEVE funcionar, mesmo com o motor parado.
E sistemas vitais, TEM que funcionar, mesmo com TODOS os motores do avião parados.

Sistema hidráulico é vital num avião, mas requer muita energia para suas bombas de óleo.
Assim, num 737, por exemplo, cada turbina tem uma bomba principal e uma secundária (já são 4 bombas) que alimentam um sistema hidráulico duplo. Cada sistema tem mais 2 bombas elétricas (já são 6 bombas) e ainda, um reservatório de pressão, capaz de fazer atuar leme, ailerom e profundor por algum tempo, na remota possibilidade de todas as bombas hidráulicas pararem !!!

Um sistema hidráulico é composto por centenas de metros de TUBOS DE ÓLEO PRESSURISADOS, e aí é que está o ponto fraco !!! Se uma tubulação se romper, perdendo óleo, de que vão adiantar as bombas hidráulicas ??? Para todos os sistemas vitais (leme, ailerom e profundor) existem reservatórios extras, capazes de suprir o óleo perdido por certo tempo, além de vários dutos alternativos – o piloto “isola” a área com vazamento e aciona um “desvio” no hidráulico.
Além disso o sistema hidráulico é TRIPLO !!!
(E há um famoso caso de um DC-10 cujos TRES SISTEMAS FALHARAM, causando um grande acidente)
Tudo isso é preciso porque, nos aviões atuais, não existe mais a possibilidade de controle mecânico (por cabos, etc) como os mais antigos.

E mesmo assim, de vez em quando TUDO ISSO FALHA !!!

abs
JERO

Responder